Quais os 5 fatores para trocar de emprego e como identificá-los

5 fatores para trocar de emprego
5 fatores para trocar de emprego

Quem não gostaria de estar em um emprego novo com o perfil ideal à sua qualificação? Este é o desejo de muitos porém a realização de poucos.

Em diversos momentos a empolgação  nos leva aos desperdício de grandes oportunidades serem desperdiçadas.

A insatisfação profissional é a principal parceira e a maior inimiga no momento de analisar uma nova proposta comercial.

Muitos profissionais deixam de lado o principal quando recebem uma proposta de trabalho.

Qual seu plano de carreira? Onde você deseja estar, profissionalmente, daqui há dois, cinco ou dez anos?

Desconsiderar uma trajetória profissional devido ao impulso de uma vaga de emprego, aparentemente mais atrativa, pode acabar com uma carreira.

E pensando nesta visão, vamos mostrar 5 fatores que indicam que é o momento de você trocar de emprego.

Incompatibilidade com a cultura da empresa

A cultura da empresa, primeiro dos 5 fatores, tem se tornado um elemento base para as relações profissionais.

A partir do momento em que você não se identifica mais com a identidade da empresa, certamente, o seu comportamento e desempenho sofrerá abalos.

Nos início de uma relação profissional, até mesmo pelo mínimo conhecimento que você detêm sobre a cultura da empresa, é natural que você se submeta à diversas situações.

Porém, com o passar dos anos, naturalmente você começa a se sentir incomodado até mesmo com as situações corriqueiras e inerentes às suas atividades.

Trajes, estereótipos e opiniões são algumas das situações que se tornam extremamente incômodas quando você se opõe à cultura da empresa.

Neste momento você precisa reavaliar o cenário e analisar se o sacrifício é válido ou é necessária a mudança de cultura.

Incompatibilidade com a gestão 

O segundo dos 5 fatores é a incompatibilidade com a gestão. Este é um momento crítico em sua vida profissional.

A incompatibilidade no relacionamento entre você e seu gestor pode colocar todo o trabalho envolvido em xeque.

É normal e totalmente aceitável que líder e liderado possuam suas diferenças, porém quando o relacionamento ainda está saudável, essas diferenças se dissipam, principalmente pela flexibilidade apresentado em ambos os lados.

Porém o desgaste que acarreta na incompatibilidade deste relacionamento faz com que os envolvidos se tornem mais duros, menos maleáveis.

A incompatibilidade com sua gestão faz com que você deixe de enxergar o todo, as necessidades do projeto.

Tudo passa a girar em torno do comportamento que você não aceita em seu gestor. Reuniões, projetos e feedbacks passam a ser vistos com menor importância.

Até mesmo seu plano de carreira começa a ser visto como algo que não ser alcançado, exatamente por você entender que seu gestor pode ser um detrator neste processo.

Se você está próximo ou já alcançou este momento profissional é o momento de parar e refletir se você está fazendo as coisas certas ou se o seu atual lugar e momento são os corretos.

Crescimento profissional

O terceiro dos 5 fatores para trocar de emprego é o seu crescimento profissional. Todo profissional tem como principal objetivo na vida o seu crescimento, sua evolução.

A evolução é um quesito obrigatório na vida de qualquer pessoa. Reconhecimento e valorização financeira são extremamente importantes.

Mas a satisfação em perceber sua evolução profissional, a maneira como você começou e como está hoje, não é paga com dinheiro ou feedbacks positivos.

Você somente se dá conta de sua importância no ambiente de trabalho quando percebe suas atitudes fazendo a diferença nos resultados e no cotidiano dos que estão a sua volta. E essa percepção se torna mais intensa conforme o seu grau de evolução.

Salário defasado

Não há nada mais inconveniente do que você perceber que faz muito e ganha pouco. O salário defasado, quarto dos 5 fatores para trocar de emprego, é um tema muito delicado.

Por envolver um altos níveis de maturidade e percepção, deve ser tratado com todo cuidado. Isso porque pode levar a uma análise precipitada.

Todos temos a percepção de sempre estarmos ganhando um valor menor ao correspondente às nossas atividades profissionais.

Mas dependendo do momento em que essa percepção surge, atitudes precipitadas podem ser tomadas.

Se você está convicto que o trabalho que você realiza não possui a remuneração adequado, claro que deve considerar a mudança de emprego como opção.

Porém antes desta consideração você precisa se certificar sobre a real remuneração equivalente às suas atividades. 

E para isso será necessário pesquisar e se informar muito para ter a certeza de estar avaliando sua remuneração da maneira correta.

Desafios 

O último dos 5 fatores para trocar de emprego são os desafios. Eles são grandes motivadores para suas atividades.

A ausência de desafios tende a te levar para a rotina, a mesmice. Este cenário pode ser um grande ofensor para seus objetivos profissionais.

O desafio é um grande motivador para a vitória. Com desafios à sua frente, por maior que seja a dificuldade ou medo que esteja presente, você se supera, busca por soluções inesperadas.

O desafio nos motiva a aprender e ensinar, fazendo com que nossas dificuldades sejam compreendidas e superadas.

Vencer os desafios te torna um profissional diferenciado perante colegas e gestores. Eles te enxergam como uma peça fundamental na engrenagem.

A confiança de seus gestores no seu trabalho aumenta, proporcionando, na maioria das vezes novas atividades e novos desafios.

Se você perceber que os desafios não estão presentes em seu cotidiano, é um sinal claro que é hora de mudar.

Como você pode perceber é importante estar atento às suas necessidades profissionais. Os 5 fatores para trocar de emprego deixam claro que a sua felicidade profissional está ligada à mudanças.

Agora que você já sabe quais os 5 fatores para você trocar de emprego, reserve um momento em seu dia e reflita.

Faça uma análise e tente perceber se algum desses fatores já fazem parte de sua vida profissional.

Compartilhe este conteúdo para que mais pessoas possam ter esta mesma oportunidade de reflexão e mudança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *