Conheça as 7 principais características das pessoas inovadoras

7 características das pessoas inovadoras
7 principais características das pessoas inovadoras

As características das pessoas inovadoras podem estar presentes em qualquer cenário, sempre associadas à ideais originais, com enorme capacidade de resolução de algum problema.

Porém muitas vezes essas características provocam algum grau de desconforto, pois não são características nativas de algumas pessoas.

Apesar de sua importância,essas características podem ser desenvolvidas e aprimoradas, baseadas na determinação e compreensão de sua relevância.

Continue acompanhando este artigo e descubra quais são as características das pessoas inovadoras, sua importância e benefícios.

As principais características das pessoas inovadoras

Ser inovador é atuar baseado em conhecimento prévio sobre algo, disposição ao aprendizado, ao risco e dispor de muita iniciativa.

Atitudes vistas com maior frequência entre profissionais bem sucedidos.

Mas é importante se atentar ao fato de que não há um perfil padrão de inovadores.

Apesar de algumas pessoas possuírem um perfil com maior propensão à inovação é possível desenvolver as características necessários para se tornar um inovador.

Nos próximos parágrafos você vai conhecer as principais características das pessoas inovadoras e de que forma cada um delas deve ser compreendida e exercitada.

Proatividade

A proatividade é a principal característica para aqueles que desejam ser inovadores, pois a inovação possui relação direta com a capacidade de resolver questões de forma criativa.

O pensamento do inovador deve estar voltado para a ideia de que esperar ser acionado para a criação de alguma coisa nova só fará com que outras pessoas tomem a sua frente.

Ser questionador

Uma certificação ou diploma não é garantia de inovação. A visão das pessoas inovadoras deve ir além, buscando soluções inéditas para os problemas que lhe são apresentados, e trilhar um caminho de procura por aprendizados novos.

Esta postura é fundamental para o desenvolvimento de soluções tanto para problemas novos como para os antigos.

Jamais desistir diante do primeiro fracasso

Erros e acertos são a base de sustentação da inovação, cenário em que nem todo profissional ou organização deseja estar.

A capacidade de reação perante um fracasso muitas vezes é quase inexistente, principalmente quando considerados os recursos investidos no processo.

Mas desistir só tornará a situação ainda pior. Por isso é fundamental para pessoas inovadoras exercitar em grau máximo sua resiliência.

Pois ela fará com que o fracasso seja encarado como uma oportunidade de aprendizado e de correção de ações que não precisavam ser realizadas.

Compreender que não é o sabe tudo

Um profissional inovador precisa saber definir suas limitações. Nenhuma pessoa é conhecedora de tudo e alimentar este pensamento resultará na impossibilidade de questionar.

O desenvolvimento da inovação e todo seu potencial reside exatamente na capacidade de questionar. Trata-se de se posicionar como o advogado do diabo.

É fundamental que a pessoa inovadora saiba trazer um novo ponto de vista para uma discussão. “E se o caminho a for melhor que o b?”.

Este é o momento de trazer a tona todas as possibilidades em torno de um assunto, pois quantos mais respostas, maiores as possibilidades de resolução.

Compartilhar conhecimentos

Muitas vezes trabalhar em equipe não é uma opção ou questão de escolha, mas as pessoas inovadoras conseguem enxergar nesta situação uma excelente oportunidade para extrair o melhor.

Para isso precisam ter desenvolvidas competências como a inteligência emocional, que não é desenvolvida da noite para o dia.

Mas ao desenvolver esta competência o profissional inovador terá a seu favor uma habilidade fundamental em sua jornada: a capacidade de trabalho em equipe.

Networking

Os profissionais inovadores demonstram uma enorme necessidade de ouvir as pessoas ao seu redor. E como consequência possuem uma valiosa rede de contatos.

Os inovadores conseguem perceber nos relacionamentos uma ótima oportunidade de aprendizado.

Cientes da impossibilidade de todos saberem, absolutamente, tudo, eles procuram se conectar com especialistas em diversos segmentos, agregando cada vez mais conhecimento.

O contato com profissionais de áreas distintas também funciona como banco de ideias.

Um networking bem estabelecido gradativamente permite a sólida construção soluções inovadoras.

Uma das possibilidade é a conversão de uma ideia frágil e ruim em uma solução tangível e revolucionária.

Curiosidade e desejo de exploração

A curiosidade é um sentido extremamente aguçado nas pessoas inovadoras.

Entre seus hábitos estão a leitura constante, acesso à vídeos, aulas e palestras, visitas a exposições e museus, audição de programas de rádio e podcasts.

Como consequência necessitam constantemente de novas informações, realização de experimentos, vivência em novos lugares,além da observação dos ambientes ao seu redor e estudo de qualquer assunto relacionado ao que esteja criando.

As pessoas inovadoras possuem o desejo de saber o exato funcionamento das coisas, e isso ocorre através de questionamentos e exploração de todo assunto que desperte sua atenção. 

As características das pessoas inovadoras nem sempre nascem com elas, logo é fundamental que sejam compreendidas como possibilidade de aprendizado e desenvolvimento.

Ter algumas dessas características em seu “DNA” facilita muito o caminho a ser trilhado, porém sua ausência no pode ser vista como impeditivo.

Pelo contrário. Deve servir como estímulo para que você consiga não apenas desenvolvê-las, para convertê-las em habilidades nativas, aplicando-as em qualquer momento de sua vida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *