O que são estilos de liderança e como utilizá-los

O que são estilos de liderança e como utilizá-los
Como utilizar os estilos de liderança

Os estilos de liderança são características fundamentais em um universo profissional cada vez mais pluralizado e exigente.

Se adaptar às mais distintas situações requer um conjunto de habilidades que muitas vezes estão associadas à liderança e seu comportamento.

Portanto, para buscar resultados cada vez mais assertivos e conduzir os profissionais a valorização e reconhecimento de seu empenho é fundamental entender quais são os estilos de liderança existentes.

E também de que forma eles influenciam o cotidiano das organizações.

E para facilitar sua compreensão vamos explicar neste artigo os diferentes estilos de liderança presentes em um ambiente profissional, suas origens e como podem influenciar nos resultados e comportamento dos colaboradores.

O que é liderança?

Liderar é tomar ações voltadas para o comando, orientação e incentivo à um conjunto de pessoas, com o objetivo de alcançar determinado objetivo que seja comum a todos.

A liderança pode acontecer de maneira manual ou através de atribuição.

Nos diversos segmentos profissionais e pessoais a reunião de um grupo focado em metas mútuas depende da presença de um líder eficaz. E esta eficácia está diretamente associada à:

  • Garantia de harmonia e excelente comunicação entre os integrantes do grupo;
  • Otimização e eficiência ao delegar tarefas;
  • Oferta de inspiração e motivação ao grupo;
  • Organização de prazos e metas;
  • Estabelecer os melhores trilhas para alcance dos objetivos.

Teorias de liderança

É fundamental para a compreensão do que é liderança que se perceba a sua origem, quais as suas fontes.

A partir deste conhecimento é possível entender de com mais profundidade a formação de cada perfil de liderança, em especial o impacto sobre o seu desempenho causado por sua forma de pensar, ser, agir, gerenciar processos e pessoas.

Teoria Situacional

Esta teoria afirma que um líder verdadeiro deve ter capacidade de adaptação à diversas situações.

Isso significa dizer que seu pensamento deve estar preparada para receber e gerenciar demandas originadas dos profissionais e da empresa de acordos com as necessidades.

Logo, o perfil adequado é aquele que, de maneira assertiva, se enquadra em cada situação, respeitando o grau de capacitação de seu time, o orçamento destinado à sua área, o momento da gestão do negócio e os prazos determinados para as entregas.

Teoria dos Traços

Essa teoria afirma que as pessoas nascem com as características correspondentes ao perfil de liderança. Deste modo, sua propensão para cargos de gestão seriam maiores.

Baseado neste argumento, a escolha de um líder deveria realizada depois de uma avaliação para identificar a combinação de traços como aspectos físicos, inteligência e personalidade.

Teoria do Comportamento

Essa teoria caminha sobre a argumentação de que um líder alcança essa posição a partir de aprendizado, treinamento e desenvolvimento em relação à seu comportamento.

Desta forma a liderança desenvolvida pode ser direcionada à resultados ou para construção e fortalecimento de relações mais humanas, o que também se torna benéfico para a organização e seus colaboradores.

Teoria dos Estilos de Decisão

Aqui existe o reconhecimento da existência de três modelos de liderança: autocrática, democrática e liberal, sendo escolhida aquela que melhor se adapta a situação apresentada.

Teoria da Atribuição

Esta teoria defende a escolha do líder pelo grupo que este deverá liderar, sendo desta forma considerada uma teoria democrática de escolha, permitindo que os futuros liderados se manifestem sobre quem eles desejam que lhes conduza.

Teoria do Carisma

Aqui são desconsideradas a propensão ou mesmo a formação a partir de treinamento e desenvolvimento. a principal referência é o grau de carisma presente no candidato a líder. 

O profissional precisa ser carismático ao ponto de cativar e influenciar as pessoas que o cercam.

Essa postura precisa ser empática, gerando conexão e vínculo através desta ligação, induzindo, naturalmente, as pessoas a caminhar a seu lado,defendendo suas ideias e cumprindo com suas determinações.

Estilos de Liderança: o que são?

Estilos de liderança são os diferentes meios de atuação de um líder. Correspondem às estratégias escolhidas para promover a motivação, organização e interação com os integrantes de seu time.

São vários os estilos de liderança e cada um é fruto da combinação de vários elementos, resultando em vantagens e desvantagens, dependendo das situações em que serão utilizados para determinar sua importância.

Mas independente do estilo, um líder considerado bom, precisa identificar quais medidas e ações devem ser tomadas em cada situação. E para isso precisa saber e conhecer os estilos de liderança existentes.

Liderança autocrática

A liderança autocrática possui foco na chefia, tornando o líder o centro das atenções, desta forma permitindo que este centralize o poder em suas mãos.

Dessa forma os liderados ficam impedidos de participar da maioria das decisões tomadas.

Este estilo de liderança costuma ser acompanhado de contínua cobrança e pressão, sem concessão de autonomia aos liderados e desconsiderando suas opiniões.

A liderança autocrática está diretamente associada ao alto nível de turnover nas empresas, resultando na perda de grandes e importantes talentos, devido a tensão, hostilidade e enorme pressão presentes no ambiente de trabalho.

Liderança democrática

Este estilo de liderança é voltada a condução do time de maneira democrática, dando voz aos liderados, envolvendo-os nas decisões para construção das soluções e dos resultados.

A consulta a equipe é contínua para extração de suas opiniões, contando com seus feedbacks e suas ideias, de forma que estas ajudem na dissolução de problemas e conquista de resultados.

O líder democrático tem um pensamento voltado para o bem-estar coletivo, desenvolvimento de seus profissionais e na oferta de reais oportunidades de crescimento.

Também faz parte deste pensamento a priorização da qualidade de vida no ambiente profissional, baseada na boa gestão de clima e contribuição ativa para o reconhecimento e valorização do time.

Liderança liberal

A liderança liberal, focada na equipe, se pauta pela defesa da total liberdade do time, lhe concedendo o poder de decidir as melhores opções para solucionar os problemas organizacionais.

Neste modelo a presença do líder não é necessária, pois compreende o grau de maturidade dos colaboradores, percebendo sua capacidade de gerenciamento do próprio trabalho sem a necessidade de um gestão direta.

Este modelo exige um pouco mais de cuidado, pois pode resultar na falta de entrega dos resultados, pois não existe uma cobrança constante.

Liderança situacional

Este tipo de liderança possui como característica principal a condução de acordo com o grau de maturidade dos colaboradores e das situações enfrentadas.

Esta liderança se adapta aos momentos, exigindo do líder uma grande capacidade de adequação às demandas, associada a rapidez, agilidade, estratégia, inteligência e assertividade.

Este estilo de liderança também exigirá de seu responsável o desenvolvimento de diversas formas de liderar.

Esta postura será necessária para que a promoção de resultados não seja prejudicada pelos diferentes tipos de colaboradores presentes e suas reações

A liderança situacional vai exigir capacidade de avaliação de contextos técnicos, comportamentais e emocionais, permitindo que a atribuição de atividades respeite as características de cada colaborador.

Liderança coach

O líder coach é o profissional preocupado com a identificação, treinamento e desenvolvimento de seu time, considerando suas competências, qualidades e defeitos, permitindo que os colaboradores tragam a tona todo o potencial escondido.

Esta postura permite que os resultados sejam alcançados de forma mais consistente pois terão profissionais atuando com a máximo de suas habilidades.

O papel destes tipo de liderança é aplicar seus conhecimento para auxiliar sua equipe na descoberta de habilidades, comportamentais, emocionais e técnicas, trabalhando os pontos de melhoria e descobrindo o propósito profissional de cada um.

Isso permitirá que o time seja mais consciente sobre suas capacidades e também permitirá o direcionamento de seus conhecimentos e experiência na direção correta. 

Um efeito muito positivo da presença de um líder coach é o ambiente positivo e produtivo, com os profissionais compreendendo sua importância no todo e certos de sua valorização e reconhecimento.

Os estilos de liderança não devem ser negligenciados, pois como as teorias que justificam suas origens explicam, cada um possui um porque e influência sobre determinada situação. 

Compreender os diferentes estilos lhe permite atuar de maneira mais assertiva em seu ambiente profissional e também descobrir qual o caminho que lhe permite uma melhor performance.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *