O que é a Gestão de Qualidade e quais suas vantagens

Gestão de qualidade e suas vantagens
Gestão de qualidade e suas vantagens

A satisfação de um cliente é fator decisivo para qualquer negócio, e o seu alcance e administração depende, dentre outros fatores, do investimento na gestão de qualidade.

A lucratividade, competitividade e permanência de seu negócio em mercados cada vez mais acirrados também dependem de clientes satisfeitos.

E para que qualquer dúvida possa ser esclarecida vamos abordar neste artigo detalhes sobre gestão de qualidade. E também vamos listar seus pilares e as vantagens de sua aplicação.

A Gestão de Qualidade

A gestão de qualidade é uma metodologia estabelecida como ferramenta estratégica com o objetivo de promoção de determinada visão sistêmica de uma empresa, alinha a conceitos  práticas reconhecidos em âmbito mundial.

É uma ação direcionada ao controle de processos de uma organização como, por exemplo, finanças, dados e gestão de pessoas, permitindo a melhora de serviços e produtos, de forma que garanta um alto grau de satisfação em relação às necessidades de seus clientes, assim como a superação de suas expectativas.

Gestão de qualidade e seus pilares

A eficiência da gestão de qualidade é alcançada e mantida quando sua utilização é estabelecida sob seus pilares, definidos pela ISO 9001. A partir de agora você conhecerá estes pilares e seus elementos.

Foco em seu cliente

Um dos objetivos elementares da gestão de qualidade é obter a satisfação de clientes.

Para tal objetivo as empresas precisam descobrir as necessidades dos consumidores, pois desta forma conseguem prestar um atendimento com maior eficiência.

Este pilar também estabelece a necessidade de preparação da organização para fornecimento e recebimento de feedbacks de maneira ágil.

Recomenda-se a utilização de um timesheet para garantir o controle apurado das tarefas relacionadas ao atendimento, permitindo que ampliem seu nível de produtividade.

Proatividade na liderança

Os líderes de companhias são os responsáveis pela disseminação a cultura organizacional de um empresa, assim como pela criação e manutenção de um ambiente voltado ao estímulo do comprometimento e sucesso de seus colaboradores.

Para isso é fundamental se pautar por uma liderança caracterizada pela proatividade, baseada em indicadores que permitam antever possíveis contratempos e antecipar as mudanças necessárias, além do incentivo à comportamentos que impulsionam ações criativas.

Melhoria contínua

Terceiro pilar da gestão de qualidade,a melhoria contínua é a responsável pela implementação de processos avançados com o objetivo de melhorar continuamente o desempenho apurado no ambiente de trabalho.

Diversas organizações utilizam o ciclo PDCA como principal metodologia para manter a melhora de desempenho e processos.

Decisão pautadas por fatos

Qualquer decisão estabelecida que seja pautada pela gestão de qualidade devem ser baseadas em fatos, elaborados a partir de indicadores.

Desta forma a análise lógica a confiabilidade das informações disponibilizadas são mais sólidas, já que não consideram palpites e tão pouco intuições.

Relação positiva com seus fornecedores

Um relacionamento positivo estabelecido entre as organizações e seus fornecedores permitem maior facilidade no processo de criação de valor e satisfação de expectativas doe seu público

Um modelo de gestão de fornecedores pautado por um comportamento correto é elemento crucial no fortalecimento das parcerias, garantindo a aquisição de materiais de excelente qualidade e sobrevivência no mercado.

Visão sistêmica

As decisões altamente estratégicas, assim como a melhora na lucratividade da organização são facilitadas quando existe um amplo conhecimento de processos estabelecidos.

Utilizando-se da visão sistêmica gestores se aprofundam na análise do cenário da organização, considerando aspectos externos e internos que impactam em seu funcionamento.

A visão sistêmica se torna um facilitador quanto a compreensão e estruturação de processos e integração de setores, e como consequência, proporcionam melhorias na sua interação.

Gerenciamento através processos

Neste pilar o fator base é a definição de metas e estratégias após realizar o mapeamento de atividades pertinentes à rotina das operações do negócio.

Estas metas e estratégias serão responsáveis pela correção de inconformidades e melhora dos resultados.

Gerenciar recursos e atividades organizacionais como processo auxilia no ciclo de desenvolvimento das melhorias, monitoramento e controle dos indicadores que permeiam a cadeia de valor.

Conscientização de colaboradores

A conscientização de seus colaboradores é primordial no desenvolvimento de uma empresa, logo o dever dos gestores é garantir o envolvimento dos profissionais nas estratégias, metas e resultados da organização.

Ao compreender a relevância de suas atividades para o desempenho do negócio, naturalmente os colaboradores vão se envolver com cada projeto, alcançando as metas definidas.

Neste cenário o papel da empresa é garantir o investimento em capacitação dos colaboradores, objetivando a melhora desde o atendimento até a execução de processos com padrão de segurança e qualidade de produção.

As vantagens da implementação da gestão da qualidade

Quando aplicada de forma correta, a gestão de qualidade abriga todo e qualquer processo relacionado à melhoria de produtos e serviços, além de proporcionar grandes vantagens:

Melhoria no desempenho empresarial

A gestão de qualidade permite que uma organização tenha maiores chances de alcançar as metas programadas no planejamento estratégico.

E o aumento das chances ocorre pois a implementação desta ferramenta cria mais estabilidade em relação à técnicas, equipamentos e recursos utilizados pela empresa.

A execução e venda de produtos e serviços são garantidos pela integração e alinhamentos dos processos.

Elevação do índice de satisfação de clientes

O êxito na condução da gestão de qualidade em uma organização tende a satisfazer as necessidades de seus clientes, estabelecendo uma relação duradoura e de confiança, e que também pode resultar no sucesso da empresa no mercado em que atua.

Utilização das melhores práticas de mercado

O rigor nos padrões estabelecidos para a gestão de qualidade, somado ao seu reconhecimento internacional permitem que a empresa lance mão das melhores práticas disponíveis no mercado.

E como consequência, amplia-se a possibilidade de manutenção da consistência de produção, cumprindo o cronograma estabelecido, também resultando na melhoria de processos, produtos e sistemas.

Aumento na produtividade

O aumento produtividade é uma grande vantagem obtida, graças a melhor definição dos processos que devem ser realizados e as responsabilidades assumidas por cada funcionário, resultando em um fluxo de trabalho otimizado.

Outro importante resultado é o aumento da produção de serviços em menor tempo e custo, traduzindo-se em economia, lucratividade e efetividade.

Como se pode perceber os pilares e as vantagens em utilizar a gestão de qualidade são fundamentais não apenas para satisfazer seus clientes, mas para determinar o grau de solidez de um organização em seu mercado de atuação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *