UX (user experience): como conquistar os usuários?

User experience
User experience

De que maneira você pode utilizar user experience (UX) para tornar o relacionamento com seus clientes ainda melhor?

Imagine a possibilidade de adquirir um produto/serviço e sentir-se encantado, admirado durante todo o processo de aquisição. Da pesquisa do produto/serviço até o momento de sua primeira utilização.

Este cenário permeia os sonhos do público, porém nem sempre é concretizado. É neste momento que a UX deve ser considerada.

Continue conosco neste artigo e descubra como a user experience pode se tornar a melhor estratégia conquistar e encantar seu público.

O que é UX (user experience)?

User experience, muito conhecida através da sigla UX, é a denominação utilizada para descrever a experiência de um usuário durante todo o ciclo de relacionamento com uma empresa ou pessoa.

O termo foi utilizado pela primeira vez na década de 90, mais precisamente em 1993, por Don Norman. Don trabalhava na Apple e era o principal responsável por este tipo de análise. 

Este ciclo compreende desde o momento em que o usuário toma conhecimento sobre um produto/serviço até a sua utilização.

Trazendo a UX para as relações comerciais, ela é a ação responsável pelo planejamento das experiências de um usuário com uma empresa.

Agora faço um pergunta que já deve estar em sua mente: você oferta uma boa experiência ao seu público?

Muitos se perguntam qual a melhor forma de encantar seu público e fidelizá-los de maneira efetiva. Para que a fidelização se concretize, você precisa considerar alguns pontos vitais que descreveremos a seguir.

Pilares da UX

Para que haja crescimento e consolidação da satisfação e encantamento do seu público, é necessário realizar o melhor planejamento e projeção de experiência possível.

É necessário que seu produto tenha melhor desempenho e cause melhor impressão em comparação à seus concorrentes nos seguintes pilares:

Utilidade

O primeiro pilar considera o nível de utilidade de um produto/serviço. Se não for útil, não haverá interesse por parte do público.

Facilidade de uso

O segundo pilar considera o grau de facilidade no manuseio deste produto/serviço. A complexidade não é aliada neste pilar.

Prazer

O terceiro pilar considera o nível de prazer que é causado por seu produto/serviço no usuário. Quanto mais divertido e interessante, mais atrativo.

A compreensão do conceito de UX é fundamental para que você consiga inseri-lo na cultura de sua empresa.

Como implantar a UX na empresa

Para que o planejamento da experiência do usuário seja realizado, você deve buscar o máximo de informações sobre sua persona.

A busca dos detalhes destas informações deverá ser realizada considerando as seguintes metodologias:

  • Conhecimento detalhado dos valores da empresa e de que forma ela deseja ser reconhecida e de que forma deseja realizar a comunicação;
  • Conhecimento de estratégias de negócios para, por exemplo, estabelecer estratégias de preços, posicionamento no mercado e metodologias de vendas;
  • Entrevistar clientes/usuários que realmente utilizem o produto/serviço;
  • Entrevistar a equipe da empresa, preferencialmente todos os envolvidos no ciclo do relacionamento com os clientes;
  • Realizar o benchmarking do produto/serviço que já exista;
  • Levantar as informações do desafio a ser solucionado, que a empresa e o mercado já possuam.

Apesar de bem específicas, de nada adiantará utilizar essas metodologias se o foco não estiver na jornada do cliente. Como melhorar essa jornada, no relacionamento, deve ser a principal pergunta a ser respondida.

Vantagens da implantação da UX

Devido o foco da UX estar voltado para o usuário/cliente, você deve imaginar que os benefícios serão exclusivos de seus usuários. Engana-se.

Mesmo com foco nos clientes, as empresas também se tornam grandes beneficiadas na implantação de estratégias de user experience. Três grandes vantagens impactam as empresas:

Crescimento na conversão de vendas

A partir de uma excelente experiência durante todo o ciclo de relacionamento com sua empresa, a tendência é que seus clientes aumentem a aquisição de seus produtos/serviços.

Também é consequência dessa experiência, a indicação de sua empresa para conhecidos, amigos e familiares.

Racionalização de recursos

A análise no ciclo do seu relacionamento com seus clientes, permitirá que você realize o planejamento adequado para cada produto. 

Desta forma você conseguirá ter uma maior controle sobre as horas do projeto e, principalmente, evitará retrabalho devido à alguma ação não planejada ou inadequada.

Aumento do valor de percepção do produto

Uma experiência muito positiva pode gerar uma excelente sensação de satisfação. Neste momento as expectativas em torno de seu produto/serviço foram superadas.

A partir daí seu produto deixa de ter somente o valor financeiro, e passa a ter um valor emocional que permite, ao cliente, compreender o quão necessário ele é. Seu produto passar a ser cobiçado pela sensação que provoca, o prazer contínuo.

Em meio à um cenário de crescimento na oferta de produtos e serviços, a conquista de clientes se torna cada vez mais acirrada. E qualquer detalhe faz grande diferença. As dores e desejos dos clientes são o ponto de partida para que sua empresa possa tocar no ponto certo.

E a boa experiência do usuário é fundamental para que essas dores e desejos sejam sanados da melhor forma.

Não importa o tamanho de sua empresa ou o grau de criticidade na dor de seu clientes. Planejar e projetar o cenário no qual a dor possa ser resolvida é fundamental para que sua empresa esteja na frente no processo de encantamento de seus clientes.

Compartilhe esse conteúdo com seus profissionais e veja porque a user experience deve estar no foco de suas estratégias de marketing.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *